Ler artigo

After e a pulsão sexual

Por Cinthia Demaria* Diversas vezes eu trouxe para esta coluna o que Hardin desperta em Tessa em vários sentidos - inclusive o sexual. Mas nunca me debrucei com afinco ao significado do que é este ato para ele. Embora já tenha vivido variadas experiências com muitas mulheres, com Tessa há uma diferenciação clara, uma ressignificação e um divisor de águas. Não é só o amor que ela desperta nele: o sentido e o gozo que o encontro com ela proporcionam acrescentam um ingrediente fundamental nesta ‘química’. Comecemos pelo início da história de Hardin. A primeira cena sexual que ele presencia na vida é enquanto criança, durante um evento traumático onde ele assiste ao estupro da própria mãe, e que trará um significante importante pra ele: o sexo é um ato de
Ler artigo

Dica de Leitura: O Último Reino

O que fazer quando você ainda é uma criança de apenas nove anos e vê seu mundo mudar radicalmente?  Num instante você está em casa com a família, protegido, alimentado, sendo educado e preparado para viver uma vida sossegada. No outro, perde tudo isso com a chegada de invasores que matam seu pai, seu irmão e te sequestram. Essa é a história de Uhtred, que começa no ano 866 d.C. no reino da Nortúmbria, Inglaterra.
Ler artigo

Outros jeitos de ler Rupi Kaur

Li o livro de Rupi Kaur em 40 minutos, antes de dormir. Sério. Não porque seja curto ou eu estivesse com pressa de acabar. "Outros jeitos de usar a boca" é um livro minimalista, mas envolvente o suficiente para que você não queira parar, assim, de repente. Ou pelo menos foi essa a impressão que eu tive. Sentei na cama às 2 da manhã, e o silêncio da madrugada pareceu tornar tudo ainda mais intenso. Rupi escreve de um jeito tão simples e forte que chega a doer.
Ler artigo

Entre surtos, terapia e um certo livro

Em setembro de 2017 pedi demissão de um emprego certinho e estável para arriscar a vida como escritora freelancer e caí num abismo, com direito a muito chororô, terapia alternativa e questionamentos que iam desde “o que eu tô fazendo com a minha vida” ao “acho que agora vai dar certo”. A terapeuta da vez – sim, faço coleção – me indicou um livro que (morrendo de vergonha enquanto digito essas palavras) só fui começar a ler há algumas semanas, chamado “Limite Zero”. Lembram do post sobre procrastinação? Pois é. Companheira de longa data, ela. Na época, estávamos, eu e a terapeuta, recorrendo a várias terapias ao mesmo tempo porque a situação era grave, então, pelo que entendi, só uma coisa aqui e outra ali não iam dar conta do meu descabelamento.
Ler artigo

Série After: Trish, o ‘não dito’ e a história construída por atos

Por Cínthia Demaria – Jornalista e Psicanalista **Alerta de Spoiler! Se você não leu até o 5o livro da série After, não leia este texto. Todo mundo quer entender um pouco mais sobre a progenitora de Hardin, e com razão. Onde há uma história complexa, sempre há outra ainda mais, principalmente quando ela envolve questões parentais e familiares. A escolhas de Trish fadaram o filho e todo o contexto que a envolveu, a consequências que ela nunca soube dizer e nem tratar. Alguns psicanalistas dizem que passamos a vida tentando resolver os traumas causados em nossos primeiros anos de vida. Hardin está aí para nos provar isso.
Ler artigo

Como fazer uma conta no Wattpad

O Wattpad é uma rede que liga escritores independentes a leitores do mundo todo. Na plataforma, que é gratuita, as pessoas podem ler os capítulos de uma obra e fazer comentários, caso queiram se registrar como leitores. Quem se registra como escritor pode colocar todo seu trabalho para apreciação lá dentro – e é exatamente isso que vou fazer, a partir de 25 de maio, com meu livro. :)
Ler artigo

Carta para o Diário de Anne Frank

Querida Kitty, embora você seja atemporal, faz quase 75 anos que Anne não passa por aqui. Muitas coisas aconteceram enquanto ela não esteve por perto... e não sei te dizer se nossa amiga teria gostado de boa parte delas. O mundo mudou de forma incrível durante todos esses anos, é verdade, mas nem sempre para melhor. Veja você que, hoje em dia, nossa preocupação é o aquecimento global. Consegue acreditar nisso? Que a humanidade tenha se degradado tanto que nem o planeta nos suporta mais? Bem, acredito que esse não seja, exatamente, o tipo de novidade que você quer. Então, vou tirar rápido o esparadrapo para não doer: você é famosa. Famosíssima! Os dois anos de memórias que você guarda eternizou Anne em mais de cinquenta línguas diferentes. Imagine o que ela diria
Ler artigo

Dica de leitura: A Estrela mais brilhante do céu

Meu primeiro contato com o livro que hoje resenho se deu em 2011, na livraria de um aeroporto, em Milão. Soa chique, mas eu era uma mochileira com muito pouco dinheiro precisando de um livro para me acompanhar pelo restinho da viagem, já que tinha acabado O Dia do Curinga. Quem comprou A Estrela mais brilhante do céu, em sua versão em inglês, foi a Paulinha, amiga que viajava comigo. Eu comprei Big Girl, da Danielle Steel, e essa foi a primeira e última vez que li um de seus livros. Sem razão aparente. Eu tinha esse negócio de ler Marian Keyes em ordem e não ia pular etapas para ir para a Estrela mais brilhante, então escolhi outro, bem aleatório.
Ler artigo

After no divã especial After Movie – Precisamos nos preparar para isso!

Decidi dar uma pausa na análise dos personagens esta semana para discutirmos o evento que muita gente aguarda: o lançamento do filme After. Após a agitada turnê de Anna Todd e dos dois protagonistas ao redor do mundo, é hora de olhar para dentro: estamos prestes a nos deparar com uma versão distinta da que criamos enquanto percorríamos as páginas do livro.

Assine a newsletter!

Deixe seu e-mail e você receberá o Literama em sua caixa de entrada!