Artigos da categoria:Conversas

Storytelling e o ciclo de expectativas

storytelling e o ciclo de expectativas

Desde o instante em que você começa a praticar o storytelling (jeito gourmet de falar “contar uma história”), o público começa a esperar coisas. Se puder trabalhar com essas expectativas, as pessoas permanecerão com você durante toda a sua narrativa. Vamos imaginar uma história que começa com alguém cortando cenouras. O público, agora, espera saber …

Sangue novo? Temos! As melhores descobertas de 2019

mulher desenvolvendo hábitos de leitura lendo um livro com uma xícara de café nas mãos

Começo todo ano com uma lista provável de leitura, mas ela sempre muda. No meio do caminho acabodescobrindo outros títulos e autores que acabam furando a fila. Na maior parte das vezes, apostar em sangue novo traz surpresas positivas. Vou falar de algumas delas hoje.

Inicio a lista com o que defino a grande descoberta de 2019: Aline Bei. O Peso do Pássaro Morto é um livro incrível, pesado e leve ao mesmo tempo. É difícil descrevê-lo. Estou de olho no Instagram da Aline para as próximas aventuras dessa escritora brasileira que tem tudo para ganhar o mundo!

Leia aqui minha resenha literária sobre O Peso do Pássaro Morto.

Também curti esse ano conhecer o Miller Britto, um escritor de Minas que conheci dentro de uma livraria de BH. Já tinha colocado um livro dele na minha lista de compras, mas não tinha feito isso ainda quando, em um sábado, o encontrei fazendo propaganda da obra. Comprei logo dois e ele já lançou o terceiro.

Miller Britto trabalhava em livrarias e se lançou nas próprias obras há pouco tempo. Hoje, vive como escritor independente, o que merece ainda mais nossa atenção.

Ainda não tenho resenhas dos livros do Miller – estão a caminho! –, mas são muito bem escritos e envolventes. Indico demais! Siga o autor no Instagram para novidades.

Para quem gosta de escrever, descobri um perfil no Medium que dá excelentes dicas! O autor é o Brian Rowe, escritor de suspense. Ele também leu o Sobre a Escrita, de Stephen King, e cita essa obra várias vezes durante suas sugestões.

Siga aqui o perfil de Brian no Medium.

Pra finalizar, sugerindo ainda a quem gosta de escrever, esse ano me deparei com o blog da Curtis Brown, editora e escola criativa de Londres, que é um pouquinho viciante. Eles fazem concursos para que os vencedores possam ganham bolsas integrais ou parciais nos cursos que ofertam, na Inglaterra ou online. Vale muito a pena seguir.

Esse post se mantém em construção, lembrando que essas são as minhas melhores descobertas de 2019 até aqui, mesmo porque o ano ainda não terminou e tudo pode acontecer! ;p

Tenho certeza que existem outros grandes nomes a serem descobertos por aí e estou ansiosa por lê-los.

Se você tiver dicas, deixe nos comentários para aumentarmos a lista juntos!

Escrever por prazer, não por dinheiro

Por Rafaella Azevedo
escrever por prazer

Começo esse texto contando duas situações recentes que me trouxeram até aqui. Ambas vão fazer sentido no final das contas, prometo! Elas ilustram como escrever por prazer pode nos levar a ganhar dinheiro, mesmo que esse não seja o foco principal. Durante anos escrevi por não ter ninguém para conversar. Na infância, e parte da …

Quem você seria se não fosse você?

Você já parou pra pensar em quem você seria se você não existisse? Ou se pudesse escolher alguém para ser, no meio dessa multidão de gente que já passou – e continua passando – pelo planeta? De vez em quando me pego pensando nisso e sempre chego à mesma conclusão: eu poderia ser um monte …

Assine a newsletter!

Deixe seu e-mail e você receberá o Literama em sua caixa de entrada!